Câmara-e.net anuncia criação de comitê de investimentos

Câmara-e.net anuncia criação de comitê de investimentosA Câmara-e.net – Câmara Brasileira de Comércio Eletrônico, principal e mais prestigiada associação de classe do comércio eletrônico brasileiro, lançou ontem seu comitê de investimentos visando apoiar negócios ligados à economia digital, aproximando, assim, investidores de empreendedores que buscam capital para concretizar suas ideias.

O comitê também quer ensinar como funciona o ecossistema de investimento privado e seus mecanismos para o mercado em geral, apoiar e educar empreendedores a captar recursos, ajudar investidores a encontrar bons projetos no país e criar relacionamento entre a comunidade de investimento. A ideia é fomentar a cooperação entre a Camara-e.net e outras entidades públicas, privadas e associações do setor de investimento no âmbito nacional e internacional.

“Nossa proposta é ajudar o desenvolvimento econômico do Brasil no mercado de comércio eletrônico, contribuir para a criação de um ambiente de cooperação entre as diversas entidades ligadas ao mercado de investimento no setor da economia digital, aproximar investidores e investidos, cooperar com entidades estimulando o financiamento de projetos por meio de investidores anjo, fundos de venture capital, fundos de private equity e bolsa”, afirma o presidente da Câmara-e.net, Ludovino Lopes.

Câmara irá criar mapa de fundos de investimento

Para este ano, o comitê tem como meta criar um mapa de fundos de investimentos no Brasil. Esse instrumento servirá para que uma empresa que tenha um projeto possa saber que tipo de fundo deve procurar para poder concretizá-lo. Após a realização dessa etapa, o comitê deseja elaborar um glossário de investimentos, criar índices sobre movimentação de investimentos e parâmetros de valuation e editar uma cartilha para empreendedores que desejam levantar investimentos no Brasil.

Para Ludovino, o trabalho do Comitê “contribuirá para que a economia digital se consolide no país, gerando empregos, know-how, tecnologia, exportação de produtos com valor agregado e divisas para o Brasil”.

É de propostas sérias e que se traduzem em resultados reais como as propostas pela Câmara E.net que o mercado de comércio eletrônico brasileiro precisa. Quanto mais forte e respaldado por entidades de classe reconhecidas e bem estruturadas, maior será o mercado brasileiro com consequências benéficas para consumidores e empresários.

Câmara-e.net anuncia criação de comitê de investimentos
Avalie este artigo

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here