Executivos aprovam o uso de redes sociais nas empresas

Pesquisa mostra que executivos apoiam o uso de redes sociais no ambiente de trabalhoUm total de 55% dos executivos brasileiros são a favor do acesso à redes sociais no ambiente corporativo. A informação é de um estudo da Gentis Panel, que verificou como a ferramentas interfere nos negócios das empresas e no trabalho dos funcionários. Cerca de 29% dos profissionais não concordam com o uso das redes sociais durante o expediente e 15% estão indecisos sobre o assunto.

Entre as justificativas para se permitir o acesso a sites como Facebook, LinkedIn e Twitter no ambiente de trabalho está a crença de que melhora o network e possibilita a geração de novos negócios, segundo 80% dos entrevistados. Para 43% dos pesquisados, navegar nas redes sociais pode ajudar a aliviar o stress do dia a dia, mantendo o profissional em contato com amigos e parentes. Já 56% dos participantes acreditam que o uso das ferramentas facilita a comunicação e a socialização entre os funcionários.

Dispersão no trabalho é ponto contra

Entre os pesquisados que são contra as mídias sociais durante o expediente, 94% apontam que os colaboradores não seriam capaz de separa a vida profissional de assuntos pessoais. Outros 30% acreditam que os sites não proporcionam informações relevantes para o trabalho, enquanto 26% afirmam que as redes sociais expõem inadequadamente a vida pessoal dos funcionários.

O levantamento indica ainda que 63% das empresas possuem um regulamento sobre o acesso aos sites no ambiente de trabalho, contra 26% negam a existência de algum código que regule a navegação nas redes sociais. Os departamentos de Marketing, Comunicação e Produto são apontados como os que mais navegação no sites (57%), seguidos por Tecnologia da Informação (54%) e Atendimento ao Cliente e Suporte (49%).

Fonte: Mundo do Marketing

Executivos aprovam o uso de redes sociais nas empresas
Avalie este artigo

2 COMENTÁRIOS

  1. Os profissionais estão mais ligados nas redes sociais no ambiente de trabalho, de acordo com um estudo realizado pela Palo Alto Networks, companhia de segurança de rede.

  2. Infelizmente nem todos tem consciência do uso no expediente e não se controlam, isso gera uma insegurança por parte da empresa com relação a produtividade.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here