SEO para e-commerce – Parte 2

SEO em loja virtual. Como fazer o SEO do seu e-commercePromessa é dívida. Continuamos agora com a última parte das nossas dicas para melhorar o SEO no seu e-commerce.

Conteúdo inteligente: arma em falta no mercado

Em fase de desenvolvimento acelerado, com sucessos muitos, o e-commerce brasileiro ainda carece de algo que nos Estados Unidos, por exemplo, é recorrente: conteúdo bem-feito e muito bem planejado. Por lá, creiam, existem até empresas especializadas em estratégia de conteúdo que, sim, é uma disciplina da web tão importante quanto o design e a usabilidade.

Como diz a expressão estratégia de conteúdo dá trabalho e requer estudo, planejamento e implementação cuidadosa. De nada adianta você cuidar dos títulos, dos atributos, das descrições e da participação dos usuários e esquecer de criar novos chamarizes. Num planeta em que a novidade impera um jeito de fazer isso são os guias de compras. Além de atrair links (referências importantíssimas) fazer comparativos sobre os produtos campeões de vendas em sua loja educa o internauta e o ajuda a tomar a melhor decisão de compra. E seu objetivo é ter a clientela mais feliz do planeta, certo?

Outro serviço muito interessante – e que exige um tanto de isenção – é fazer comparativos entre produtos. Listar numa tabela as TVs de LCD ou os smartphones disponíveis com seus pontos fortes, fracos e diferenças faz uma grande diferença na vida do seu usuário – e também se transforma em informação relevante para outros sites, se for bem-feito. Este tipo de conteúdo são chamados ímãs de links, porque atraem posts e comentários rede afora.

Pense global, aja local

A máxima da ecologia, na rede, funciona muito bem. Principalmente se o seu negócio for um serviço. Restaurantes, clínicas de estética, farmácias, encanadores… usar os mapas para indicar onde está o seu restaurante é uma estratégia mais que inteligente para aparecer nas buscas. Este cuidado – que exige poucos minutos de cadastramento – ajuda principalmente os pequenos e médios e-commerces, que conseguem boa visibilidade com pouco trabalho.

Lembrem-se sempre: a busca orgânica é a principal fonte de visitas e os usuários raramente passam da primeira página. A importância destes fatos para o sucesso de seu negócio é inegável. Cuidem sempre e muito bem de seus sites.

Fonte: Blog do PagSeguro

SEO para E-Commerce – Parte 2
Avalie este artigo

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here