Cinco mitos sobre o E-Commerce

Mitos do E-Commerce. O que é mito ou verdade sobre o comércio eletrônicoExistem muitos mitos sobre e-commerce; com a aproximação da melhor época do ano para o comércio virtual, muitos novos e-empreendedores dão forças a alguns desses mitos. Abaixo listo os 5 maiores mitos de comércio virtual:

Tudo que pode ser construído para a internet é grátis

Recebo por dia uma dezena de emails perguntando qual a melhor plataforma gratuita de e-commerce. A verdade é: não existe! Existem plataformas de baixo custo, e sim, eu indico para os empreendedores online de primeira viagem que comecem por elas, por causa do baixo custo.

Ótimo! Alguns meses se passam e recebo reclamações imensas dizendo que a plataforma é ruím, que todas as lojas tem a mesma cara, que não aceitam customizações, que o suporte não funciona, que tem limite de produtos e imagens! Etc…

A grande verdade é que: não se vende Ferrari em banca da feira! Loja customizada com a cara do seu negócio precisa de um webmaster, e isso custa dinheiro porque até os desenvolvedores web precisam comer!

Pode usar qualquer foto do produto, pode-se até copiar de outro site

As imagens de qualquer loja virtual são as prateleiras das lojas! Se bagunçadas não vendem, se com pouca visibilidade – não vendem! Se vazias – não vendem! Já é suficientemente difícil levar um consumidor até uma loja virtual para que quando ele se interesse pelo produto veja fotos embaçadas e sem definição.“Em e-commerce é preciso criar a experiência da compra sem o toque no produto, e só se consegue isso encantando os olhos.” Mas eu noto que na maioria dos projetos de e-commerce que tem um Plano de Negócios, o investimento nas imagens é esquecido!

E ele é parte importante e significativa do investimento, em média cada imagem de produto custa R$ 10,00 – pense então na lupa (ZOOM) e outras visões do produto! Dependendo do número de visões do produto, e tem que ser no mínimo Três, o investimento em imagem pode representar de 20% a 40% do valor do total do projeto de loja virtual!

Se for escolhido um fotografo para criar as imagens, e isso acontece muito com moda, esse custo sobe bastante, chegando a 150,00 por imagem! E o que é comprado é o direito de uso da imagem, o fotografo é um artista e vende a divulgação de uma arte produzida por ele, isso se chama “direito de uso de imagem” e normalmente o contrato é de 2 ( dois) anos, após esse período é preciso comprar novamente o direito de uso. Use uma empresa especializada em produção de imagens de produtos para e-commerce.

Copiar a imagem de produtos de outro site é CRIME! Fere a lei de propriedade de imagem! E os processos normalmente atingem a casa dos milhões de reais.

Quem tem loja virtual trabalha menos do que quem tem loja física

Numa loja física segue-se a rotina de limpar a loja, arrumar as prateleiras, disponibilizar o troco, levantar as portas, sorrir para o cliente! Na loja virtual esse trabalho NUNCA ACABA! Simplesmente porque a loja nunca fecha!

Existe um mito forte de que é possível administrar uma loja virtual a noite depois do trabalho! E em principio talvez seja possível, mas sempre se coloque no lugar do consumidor, somos todos consumidores, e se você tem dúvidas sobre um produto e manda um email para a loja virtual, você espera receber a resposta minutos depois! É a vocação dos negócios na web – tudo ONLINE!!!!

Não é preciso ter estoque para ter loja virtual! Vou vender primeiro depois eu compro

Trabalhar com estoque de terceiros é coisa de e-commerce de grande varejo e de administração primorosamente profissional, não é para iniciantes. Quando o cliente compra qualquer coisa que seja numa loja virtual, ele tem pressa em receber! E se após a venda é que será feita a entrada no estoque, problemas imensos podem acontecer e gerar uma chamada ao Código de Defesa do Consumidor.

O cliente de loja virtual nem nota o valor do frete na hora da compra

Antes ate o preço da mercadoria, um dos fatores mais fortes de abandono de carrinhos de compra em loja virtual é o valor do frete! E em alguns casos o valor do frete é que leva a efetivação da compra e não o preço.

Existem inúmeras maneiras de delivery para lojas virtuais, mas é preciso negociar! Prazo e preço e repassar essas conquistas aos consumidores só trará mais vendas para a loja. E-consumidor sabe exatamente o que é um frete justo e privilegia lojas que usam o FRETE GRÁTIS para produtos com valor de ticket diferenciado.

Esses mitos atrapalham as iniciativas do e-commerce nacional e acabam por esconder grandes idéias de lojas virtuais.

Fonte: E-Commerce Girl

Cinco Mitos Sobre E-Commerce
Avalie este artigo

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here